Blogger Widgets

28/09/2016

Professora Jéssica Leciane - Química

Aula de Química com experiência sobre CINÉTICA


PROFESSORA JÉSSICA LECIANE – QUÍMICA


QUÍMICA – CINÉTICA


Trabalho realizado na disciplina de Química, ministrado pela professora Jéssica Leciane, com auxílio do Progetec da escola.

Objetivo do Experimento:


Verificar a influência da temperatura, concentração dos reagentes e superfície de contato sobre a velocidade da reação.

Experiência

Materiais Necessários:

  • Becker 250ml 
  • Provetas 
  • Água oxigenada Volume 10 
  • Vinagre incolor 
  • Permanganato de potássio 
  • Água em diferentes temperaturas 
  • Glicerina Líquida 
  • Placa de cerâmica 
  • Comprimidos efervescentes

METODOLOGIA    

Experiência 1 – sobre influência da concentração na velocidade da reação.


Em dois beckers foram adicionados 40 ml de água onde foi diluído um comprimido de permanganato de potássio. A dissolução foi observada até o final. Em seguida foi adicionado em cada um deles aproximadamente 20 ml de ácido acético (vinagre). Depois disso em um Becker foi adicionado a mesma medida do vinagre, mas de água oxigenada. No outro Becker foi adicionado menos, apenas 5 ml. Os procedimentos foram realizados ao mesmo tempo, sendo possível observar que o recipiente de maior concentração perdeu a coloração rapidamente, ficando incolor, enquanto que no recipiente de menor concentração isso aconteceu de forma muito mais lenta.

 Experiência 2 – sobre influência da temperatura na velocidade da reação.




Num becker foi adicionado aproximadamente 200 ml de água quente, e em outro foi adicionado a mesma quantidade de água gelada. Em seguida, em cada Becker, ao mesmo tempo, foi adicionado um comprimido efervescente. Foi possível observar na solução quente o comprimido se dissolveu rapidamente, enquanto que na solução gelado o tempo de dissolução do comprimido foi muito maior.

 Experiência 3 – sobre influência da superfície de contato na velocidade da reação.


Sobre duas placas de cerâmicas foram colocados dois comprimidos de permanganato de potássio, um em cada cerâmica. O comprimido de uma das cerâmicas foi triturado, aumentando a superfície de contato. Enquanto que o outro comprimido ficou inteiro. Em seguida adicionou-se, ao mesmo tempo, glicerina líquida sobre os dois comprimidos. Observou-se que a reação sobre o comprimido triturado aconteceu de forma muito mais rápida que no comprimido inteiro.

CONCLUSÃO


Com a experiência sendo realizada na prática os estudantes puderam observar de forma muito clara a influência de determinados fatores na velocidade da reação. Além disso foi possível observar interesse e participação em grau muito mais elevado.

foto1 foto2 foto3 foto4 foto5 foto6 foto7 foto8